Herói expulso por tirar a camisa e gol contra no fim; confira as maluquices que definiram os acessos na Série C

No último domingo (17), a última rodada da segunda fase da Série C definiu as quatro equipes que disputarão a segunda divisão na próxima temporada, além dos dois finalistas do torneio. Nessa fase, dois quadrangulares foram formados para que as quatro equipes de cada chave se enfrentem entre si no formato ida e volta, totalizando seis rodadas. Assim, os dois primeiros de cada grupo subiriam à Série B, e os líderes ganhariam o direito de disputar a final do campeonato, ainda a ser jogada.

Contexto

Antes de chegarmos à sexta rodada, duas equipes já tinham garantido matematicamente o acesso: o Brusque, de Santa Catarina, que havia batido o Ituano por 4×2 na rodada anterior; e o Remo, do Pará, que venceu o arquirrival Paysandu por 1×0 no ‘Re-Pa do Século’, que ganhou esse nome pois quem vencesse o confronto subiria de divisão. Os times possuem longos tabus em comum: Brusque não disputa a ‘segundona’ desde 1989 (32 anos), enquanto o Remo não disputa desde 2008 (13 anos).

Sabendo-se disso, restavam apenas duas vagas para a Série B, em que todos os outros seis clubes — Vila Nova/GO, Santa Cruz/PE, Ituano/SP, Paysandu/PA, Londrina/PR e Ypiranga/RS — tinham chances de subir. Os três primeiros a serem citados disputavam uma vaga no Grupo C, enquanto os três últimos disputavam a outra vaga no Grupo D (os Grupos A e B eram referentes à primeira fase). Vila Nova e Paysandu dependiam apenas de si antes da rodada final para conquistarem o objetivo, e as demais equipes dependeriam de combinações de resultados para isso.

Resultados do Grupo C

Os dois jogos do grupo ocorreram no domingo (17) às 18h, e de cara já definiram as duas equipes que disputariam a segunda vaga para a Série B. Isso porque o Santa Cruz liquidou cedo o confronto contra o Brusque, já que Pipico, Victor Rangel e William Alves abriram 3×0 para a cobra-coral com 15 minutos do 2º tempo. Isso praticamente acabou com as chances do Ituano, que deveria vencer por quatro gols de diferença para ultrapassar o Santinha na tabela naquele momento. Em seguida, a disputa entre Santa e Vila pela vaga na segundona ganhou um capítulo importante: a entrada de Maxi Biancucchi, atacante argentino do Vila.

A substituição foi aos 26 minutos da etapa final, e Maxi, conhecido por ser o primo do Messi, teve uma rápida e decisiva participação no jogo. Isso porque aos 30 minutos, o jogador tomou cartão amarelo por falta dura, e aos 31 minutos, marcou um golaço que abriu o placar e dava a classificação para os goianos. Na comemoração, Biancucchi tirou a camisa, e como já estava pendurado, tomou o segundo amarelo e foi expulso aos 32. Por sorte do jogador, que ficou apenas seis minutos em campo, o Ituano não conseguiu marcar e garantiu o Vila de volta na segunda divisão.

Faltou dizer que em um momento entre a entrada e a expulsão do primo do Messi, Thiago Alagoano diminuiu o placar para o Brusque contra o Santa Cruz, mas que àquela altura não mudou em nada o resultado do grupo. Para melhorar a situação do Vila Nova, a derrota do Brusque pôs os goianos na liderança do grupo, e consequentemente, na final do torneio.

Confira a classificação final do Grupo C:

Fonte: Site da CBF

Resultados do Grupo D

Assim, como na chave anterior, os jogos do Grupo D ocorreram simultaneamente, mas dessa vez às 17h de sábado (16). Os confrontos não tiveram gols em seus primeiros tempos, mas isso logo mudou na etapa complementar porque Mossoró, aos 2 minutos, abriu o placar para o Ypiranga. O resultado dava a classificação inédita para a Série B aos gaúchos, que conseguiram segurar o 1×0 até o final.

Após o jogo, os jogadores do Ypiranga aguardavam o apito final no outro jogo da chave para comemorar o acesso, mas um duro golpe veio à equipe de Erechim. O zagueiro Alemão fez um gol contra aos 42 do 2º tempo e abriu o placar para o Londrina no Mangueirão. A partida acabou com esse placar, e o resultado deu a vaga que faltava aos paranaenses. Apesar da derrota, os resultados asseguraram a liderança do grupo ao Remo.

Confira a classificação final do Grupo D:

Fonte: Site da CBF

A final da Série C, entre Remo e Vila Nova será realizada em formato ida e volta, em jogos que serão realizados nos dias 23 e 30 de janeiro, às 17h. O Remo, por ter feito a melhor campanha, decidirá em casa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: