De filho de ex-jogador a candidato a vice-prefeito; conheça a trajetória das vítimas do acidente do Palmas

Na manhã deste domingo (24), um avião que transportava quatro atletas e o presidente do Palmas Futebol e Regatas, além do piloto, caiu em Luzimangues, no município de Porto Nacional/TO, instantes após sua decolagem. A aeronave, que era da família do presidente, levava os atletas para Goiânia, onde enfrentaria o Vila Nova pela estreia da Copa Verde, torneio que engloba equipes das regiões Norte e Centro-Oeste do país. A notícia repercutiu rapidamente e diversos clubes prestaram solidariedade às vítimas e seus familiares, como Flamengo, Vasco, São Paulo, Corinthians e a Chapecoense, que sofreu o maior desastre aéreo da história do esporte em 2016.

Pelo Twitter, a Chape se solidarizou com as vítimas no Tocantins.

A seguir, saiba os detalhes sobre as pessoas que vieram a óbito no desastre em Luzimangues.

Jogadores

Os quatro jogadores que faleceram no acidente foram contratados neste ano pelo clube tocantinense e possuíam idades que variavam de 23 a 28 anos e com rodagem por diversos clubes brasileiros.

Guilherme Noé – Volante (28 anos)

Revelado pelo Osasco Audax, chegou a passar pelas categorias de base de Corinthians e Internacional, e passou por equipes como Caldense, Ipatinga, Tupi, Mirassol e São Bernardo.

Lucas Praxedes – Lateral (23 anos)

O lateral-esquerdo, que foi contratado pelo Palmas há apenas 12 dias, começou a sua carreira como jogador na Inter de Limeira/SP e no Capivariano na base, tendo destaque no último clube citado. Como profissional, passou por clubes como XV de Jaú, Botafogo e Marília.

Marcus Molinari – Atacante (23 anos)

Molinari é filho do ex-jogador Marinho, também atacante, que obteve destaque no Atlético/MG em 2006. Já o filho começou nas categorias de base do Villa Nova/MG e se destacou no Araxá Esporte, clube em que se tornou o artilheiro do Campeonato Mineiro Sub-20. Ainda, teve passagens por Ipatinga, Tupi, e até pelo sub-23 do Santos.

Ranule – Goleiro (27 anos)

Dentre os quatro jogadores, foi o atleta com maior sucesso profissional. Começou a carreira no Democrata de Sete Lagoas/MG e teve o ápice da sua carreira em 2017 pelo Atlético Itapemirim/ES, quando foi campeão estadual e eleito o melhor goleiro do campeonato. Também jogou por times como Villa Nova/MG, Resende e Portuguesa/RJ.

Presidente

O empresário goiano Lucas Meira, de apenas 32 anos, é filho de Adair, fundador do Sistema Sagres de Comunicação. Estava desde 2007 morando em Palmas, onde se formou em Agronomia pela Faculdade Católica do Tocantins, e desde então seguiu no ramo de empreendedorismo social. O nome de Lucas chegou até a ser aprovado pelo DEM para ser o vice-prefeito da chapa da futura prefeita eleita de Palmas, Cinthia Ribeiro (PSDB), mas desistiu da campanha devido a imbróglios com empresas em Goiânia.

Personalidades políticas lamentaram a morte do empresário, como o governador de Goiás Ronaldo Caiado e a própria prefeita Cinthia.

Ronaldo Caiado, governador de Goiás, prestando as últimas homenagens a Lucas Meira em seu Instagram.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: