O dia em que Tom Brady tentou recrutar Kevin Durant para o Celtics

Em julho de 2016, foi aberto o período da Free Agency na NBA, em que jogadores com contrato expirante na liga poderiam escolher o seu futuro time na liga. Um deles era Kevin Durant, à época no Oklahoma City Thunder, que acabara de sofrer uma dura virada nas finais de conferência.

OKC saiu do jogo 4 das finais da Conferência Oeste vencendo a série contra o Golden State Warriors por três jogos a um, bastando mais uma vitória para liquidar a vaga nas Finais daquele ano. O Thunder já havia ido às Finais em 2013, mas acabou perdendo para o Miami Heat de LeBron James.

No entanto, Golden State acabou vencendo os três últimos jogos da série e eliminou Oklahoma e Kevin Durant. Com este duro golpe e o contrato de KD no fim, diversos times demonstraram forte interesse em contratar o jogador.

Além do próprio OKC, times como Golden State Warriors, San Antonio Spurs, Los Angeles Clippers e Miami Heat chegaram a se reunir com o ala para negociar. Além disso, mais um time também se reuniu com Durant: o Boston Celtics.

Boston estava em processo de reconstrução do seu elenco. Na última temporada, havia caído no primeiro round dos playoffs ao ser eliminado para o Atlanta Hawks em seis jogos, mas havia acabado de trazer o pivô Al Horford do próprio Atlanta e, com bom espaço na folha salarial, prometia montar times mais competitivos nos próximos anos.

Todavia, o Celtics não tinha um time tão forte quanto o de seus concorrentes na briga por KD. Golden State era o atual vice campeão; San Antonio ainda tinha Ginobili e Kawhi; LAC tinha Chris Paul e Blake Griffin; e Miami ficou a um jogo de chegar às Finais de Conferência daquele ano.

Com isso, Danny Ainge, General Manager do Boston Celtics à época, precisava apelar para outros aspectos na reunião caso realmente quisesse ter KD jogando no seu time. E dessa forma, além de citar tudo que foi dito há dois parágrafos atrás, outros argumentos foram postos à mesa.

Um deles foi a capacidade da franquia de montar elencos que briguem por títulos — vide o Big Three com Paul Pierce, Kevin Garnett e Ray Allen montado em 2007. Além disso, também foi citada a capacidade de se criarem superestrelas do esporte em Boston. E é aqui que Tom Brady entra na história.

Brady era o dono dos esportes de Boston há vários anos. Já havia ganhado quatro Super Bowls pelo New England Patriots — e ganharia mais dois por lá, além de mais um pelo Tampa Bay Buccaneers —, dois MVPs da temporada — venceria mais um em 2017 —, três MVPs do Super Bowl — e também venceria mais dois —, dentre diversas conquistas.

Assim, Tom Brady esteve na reunião com Kevin Durant para convencê-lo a vir jogar em Boston, juntamente com David Ortiz, estrela do Boston Red Sox à época, e com o Wide Receiver Julian Edelman, também estrela do Pats.

Imagem: Reprodução da Internet

E aparentemente, a reunião deve ter sido produtiva, uma vez que até seu anúncio final, Boston foi um dos três times que estavam no páreo pelo ala. Entretanto, no dia 4 de julho, Durant comunicou a todos que estava indo ao Golden State Warriors, onde seria 2x campeão, 2x Finals MVP e formaria um dos melhores times de todos os tempos.

Já o futuro do Boston Celtics foi bem interessante mesmo sem Kevin Durant, já que o armador Isaiah Thomas explodiu e levou a equipe às finais de conferência já no ano seguinte. Danny Ainge também conseguiu formar um time muito forte nos anos seguintes, que tinha Kyrie Irving e Gordon Hayward, além dos muito jovens Jayson Tatum e Jaylen Brown.

O time ainda chegou até o jogo 7 das Finais de Conferência de 2018, perdendo para o Cleveland Cavaliers de LeBron James, mas o vestiário acabou implodindo em 2019 e, aos poucos, o ótimo elenco formado foi se desmanchando.


E aí, sabia dessa história? Como acha que seriam os próximos anos do Boston Celtics caso Kevin Durant tivesse optado por jogar por eles? Deixe nos comentários!


2 comentários sobre “O dia em que Tom Brady tentou recrutar Kevin Durant para o Celtics

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s