Mike Uporsky, o homem que perdeu o anel de campeão da NBA

No texto desta semana vamos abordar uma história diferente, inusitada e também triste, isto porque vamos falar sobre Mike Uporsky que conseguiu o feito de perder o anel de campeão da NBA, algo impensável para a grande maioria, mas venham conosco conhecer esta história caricata.


A “pré-perda” de Uporsky

Foto: Reprodução da Internet

Michael Uporsky tem uma forte ligação ao desporto, foi monitor, treinador e professor substituto em Franklin High, sendo o responsável pela equipa feminina de basquetebol. A sua carreira como treinador não foi muito longa ou repleta de sucessos, mas ele liderou os Maine LumberJacks, aqui acaba por ficar ligado a um dos períodos de maior glória da equipa quando foi o responsável pela ida de Billy Ray Bates para este conjunto do Maine.

Bates havia sido draftado pelos Houston Rockets na terceira ronda do draft de 1978, mas ainda antes da época começar, em 1978, acabou por ser cortado e Mike Uporsky conseguiu que ele assinasse pela equipa do Maine que militava na extinta Continental Basketball Association. Bates era pretendido por várias equipas e esta ida para Maine colocou Uporsky num lugar de destaque, que pouco durou pois foi despedido pelo dono da equipa para que seu filho pudesse treinar.

Maine foi onde Bates brilhou, conseguindo dessa forma uma ida para a NBA, onde passou por Portland, Dallas e pelos Lakers, franquia em que esteve com um contrato de 10 dias e o seu maior feito foi, alegadamente, ter posterizado Kareem Abdul-Jabbar.

Depois disso, Bates acabou nas Filipinas onde é, ainda hoje, um dos melhores jogadores de sempre. Mike Uporsky sempre ligado ao desporto foi assumindo várias funções em vários níveis do basquetebol nos Estados Unidos, mas foi no scouting que conseguiu ter maior protagonismo, revelando algum talento para detectar futuros craques e, além disso, conseguiu uma boa rede de influência por ajudar alguns donos a conseguirem contratar jogadores de qualidade.

Os bons desempenhos nos vários papeis, valeram o regresso para a NBA, foi contratado como scouter e depois assumiu um papel de treinador assistente na equipa dos Seattle SuperSonics, sendo um elemento que muito trabalhou na conquista da NBA em 1979, ano em que Mike Uporsky conseguiu vencer o anel que nos remete para esta história.

Foto: Reprodução da Internet

Como Uporsky perdeu um anel da NBA?

Foi em Seattle que Mike conseguiu conquistar o tão desejado anel da liga, algo que meio mundo sonha em ter na sua posse. Os anos foram passando, Mike Uporsky tinha o nome na história de Seattle e da NBA, até que 34 anos depois o ex assistente voltou a ser notícia e ter seu nome nas bocas do mundo. O anel de ouro com diamantes no topo da histórica conquista de Seattle esteve por 34 anos na posse de Uporsky, até que em maio de 2013, este o perdeu num passeio com seu cão em Redondo Beach.

Era apenas mais uma ida à praia com o seu fiel amigo, levando como habitualmente o seu anel, isto porque como Uporsky revelou nessa altura ele nunca largava o anel, andava sempre consigo no seu dedo para todo o lado sendo mesmo um amuleto para ele.

A verdade é que, no que seria mais um passeio, o anel saltou de seu dedo sem que ninguém tenha notado e foi aí que o caos se instalou. Mike Uporsky andou horas em busca de seu anel, contratou especialistas com detectores de metais que percorreram a área por dias, mas sem sucesso.

A notícia chegou a meios noticiosos nacionais, esta perda insólita tornou-se história por todo o mundo, ninguém entendia como alguém perde um anel da NBA e, além disso, ainda existiu uma corrida à praia de desconhecidos que tentaram de todas as formas achar o tão valioso anel, mas sem efeito, ninguém o encontrou.

Os dias transformaram-se em semanas, estes em meses e em anos, mas nada se alterou. Foram usadas várias técnicas de busca de metais e pedras preciosas ao longo dos anos, foram oferecidas recompensas, existiu todo o tipo de tentativas e de formas de buscas, mas ninguém conseguiu devolver o anel ao seu dono.

O valor do anel seria superior a 100 mil dólares, isto porque é um anel único de uma conquista muito histórica e a verdade é que apesar das buscas, do envolvimento de especialistas, dos muitos que escavaram na praia tentando, assim, encontrar este tesouro, até aos dias de hoje o anel de campeão da NBA do ano de 1979 de Mike Uporsky nunca mais foi visto, originando mitos e lendas urbanas naquela praia, escavações, caça ao tesouro, mas ao que parece o anel está perdido para sempre.


Ficou aqui o nosso texto desta semana, algo um pouco diferente e que serve de alerta para todos, nunca passeiem com os vossos anéis da NBA pois podem acabar por perdê-los para sempre tal como aconteceu com Mike Uporsky.


Um comentário sobre “Mike Uporsky, o homem que perdeu o anel de campeão da NBA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s